POST 18.03

Viva no presente – A importância de esvaziar a mente

As coisas acontecem muito rápido no mundo online, e isso vem refletindo no nosso dia a dia, afetando nossa paciência. Qualquer período de tempo parece ser tempo demais quando precisamos esperar, e tempo de menos quando precisamos produzir.

Temos as tarefas de casa, do trabalho, filhos, contas para pagar, coisas a serem resolvidas, questões de saúde e uma lista enorme de preocupações, prazos e metas. Com tudo isso para resolver, fica difícil focar no presente.

O futuro nos preocupa e o passado nos assombra

Não são apenas as preocupações com o futuro que invadem nossa mente e nos tiram o foco. Às vezes, é o passado que surge para nos atrapalhar com conflitos mal resolvidos, arrependimentos, lembranças ruins. Tudo aquilo que já aconteceu, não temos como mudar, e que deveria servir apenas como experiência e aprendizado.

Perdemos tempo pensando na falta de tempo

A preocupação exagerada com os prazos de entrega geram ansiedade, atrapalhando, atrasando ou até mesmo impedindo a realização dessas tarefas. Ficamos paralisados diante dessa preocupação com prazos, enquanto deveríamos estar realizando a tarefa a fim de terminá-la no tempo estipulado, e o que acontece no futuro é consequência do que fazemos no presente.

Como viver no presente?

Existe um exercício simples da neurociência que pode nos ajudar a conseguir deixar de lado o que já aconteceu e o que pode vir a acontecer, nos permitindo focar no agora. Esse exercício consiste em listar todas as tarefas que precisam ser feitas, depois organizá-las em ordem de urgência. Essa simples atividade ajuda a organizar os pensamentos e nos permite uma visão mais clara de nossas obrigações, tornando prazos e o número de tarefas menos assustadores. É importante observar também quais preocupações são desnecessárias, como quando nos preocupamos com coisas inevitáveis, das quais não há nada que podemos fazer para mudar a situação. Nesse caso, a preocupação causará apenas estresse, sem resultados positivos.

Exercício:

Primeiro pegue uma folha branca e esvazie a mente. Liste tudo aquilo que lhe incomoda, tudo mesmo, tanto profissional quando pessoal, tudo que te incomoda, lhe atrapalha e que tira a sua paz.

Após terminar a listagem, olhe pra esta lista e coloque em ordem de prioridade, numerando-as, não somente as mais urgentes as que trarão mais satisfação.

Depois, observe tudo que há na lista e verifique se você tem poder de mudar aquilo que lhe incomoda.

Por exemplo, “estou preocupado com alguém da minha família que está doente”, apesar de isto lhe preocupar não há como você mudar a saúde desta pessoa, “mas o que posso fazer para aliviar essa preocupação?” Bom, você pode fazer uma vídeo chamada, ligar para ela ou mandar uma mensagem de carinho.

Não adianta se preocupar com este tipo de situação, que não depende de nós, faça apenas aquilo que está dentro da sua alçada para aliviar a sua preocupação e se prevenir. Devemos focar naquilo que podemos resolver, onde somos os protagonistas, assumirmos essa auto responsabilidade e agir!

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *